O Voo

voo_3

Ontem (8) acompanhei a estreia do filme “O Voo”, estrelado pelo ótimo Denzel Washington. O ator dá vida ao personagem Whip Whitaker, um piloto de avião alcoólatra e viciado em drogas. Após uma noite de vícios, Whip está escalado para comandar um voo. Por conta de uma falha no mecanismo do avião, uma tragédia quase acontece, causando a morte de dezenas de pessoas. QUASE porque Whip, com muita técnica e ousadia, consegue salvar praticamente todos que estavam no voo.

o-voo

Com esse ato de coragem, o piloto torna-se um herói nacional. Mas, tanto ele como as pessoas em sua volta sabem que a realidade é um pouco diferente.

Pontos positivos

– Denzel Washington é sempre Denzel Washington. Com esse trabalho, mais uma vez ele foi indicado ao Oscar de melhor ator (é a sua sexta indicação).

– Impossível acompanhar a investigação da queda do avião e não lembrar das tragédias aéreas que tivemos no Brasil. Os bastidores do processo mostrados no filme trazem essa reflexão de que muita coisa acaba sempre ficando “debaixo do tapete” (e muitos saem impunes).

– O melhor amigo de Whip, Harling Mays (John Goodman), é o responsável pelas risadas na história. A sequência em que ele prepara Whip para o depoimento sobre o acidente é uma das melhores do filme.

Pontos negativos

– O filme foca muito na questão do alcoolismo de Whip, com sequências muito arrastadas que acabam dando sono.

– O romance dele com a personagem Nicole (Kelly Reilly) até começa de forma muito bonita, mas não é relevante no filme. Uma história mais desenvolvida poderia ter dado um brilho a mais no drama.

Apesar dos pesares, “O Voo” também recebeu a indicação ao Oscar de melhor roteiro original, escrito por (John Gatins).

Curiosidade exclusiva do Avesso e Reverso

É o segundo filme do Denzel Washignton que eu assisto com a trilha sonora do Rolling Stones (o primeiro foi “Possuídos“). E adivinhem quem interpreta o melhor amigo do personagem do Denzel nesse filme? Também é o ator John Goodman! (me senti até especialista em filmes agora rs).

Para quem quiser ler uma outra visão do filme, confiram a ótima crítica do site Omelete

E para finalizar, acompanhem o trailer e babem no Denzel Washington 🙂