Retrospectiva – O melhor de 2013

Estava aqui pensando sobre o post dessa semana, e vasculhando os textos do ano passado me lembrei que esse é o momento de fazer a tradicional (SQN) retrospectiva cultural do melhor de 2013 aqui no blog. Depois de 6 anos, 12 meses de cursinho, uma faculdade largada e uma faculdade concluída, finalmente tive um ano em que minha única obrigação na vida foi trabalhar. Assim, tive bastante tempo e um dinheirinho sobrando pra aproveitar um pouco mais (culturalmente falando). Assisti muitos filmes, fui a muitos shows, mas confesso…não li muito. Vou falar um pouquinho mais sobre os destaques desse ano (na minha humilde opinião):

Melhor filme: O Grande Gatsby

O-Grande-Gatsby-2013

A terceira versão cinematográfica da obra escrita pelo americano F. Scott Fitzgerald me cativou, pela sensibilidade dos personagens e a fotografia belíssima. Gostei tanto que li o livro depois, e o encantamento só aumentou. Gatsby é um homem solitário e sonhador, que tem como único objetivo conquistar a amada Daisy. Sua história é narrada pelo primo da garota e seu melhor amigo, Nick. É o tipo de história que nos faz refletir sobre a simplicidade e a grandeza de alguns sentimentos, e como o mundo pode ser cruel ás vezes, mesmo com as pessoas que não são cruéis com o mundo. Outros destaques desse ano para mim foram: Rush, no limite da Emoção e Gravidade.

Melhor livro: Extraordinário

capa_extraordinário_red (1)..........

Um dos critérios que geralmente usamos para definir um bom livro é a velocidade com que terminamos a leitura. Me lembro que li “Extraordinário” (R.J Palacio) em menos de uma semana (320 páginas). A história de August (Auggie, para os íntimos) me emocionou, por tratar-se da visão de um garoto sobre algo que todos nós já passamos um dia: o Bullying. Ele é portador de uma doença genética, que causou uma deformação em seu rosto. Ao ser obrigado a frequentar a escola, ele passa por todo o tipo de humilhação, mas sem perder o bom humor e a consciência de que, apesar de tudo, ele era um menino como outro qualquer. Destaco também “Um dia” (David Nicholls) e “Ouro” (Chris Cleave).

Melhor show: Iron Maiden

1239947_584683011578222_678077013_n

O show mais esperado do ano (por mim) não decepcionou. Set list perfeito, muita energia no palco…o Iron Maiden arrebentou.
Apesar da banda praticamente “bater cartão” no Brasil todo ano, o público fiel marcou presença e curtiu muito. Não me canso de dizer…2013 foi O ANO para quem curti o bom e velho classic rock em terras tupiniquins. Destaques também para o Whitesnake e Bon Jovi.

Feliz Natal e obrigada!

Olhando os textos antigos do blog, acabei lembrando que no dia 18/12 esse humilde espaço completou 2 anos!! 🙂
Parece que foi ontem que resolvi me arriscar no wordpress, e aparentemente deu certo! rs. Gostaria de agradecer a todos os leitores e aos amigos blogueiros que sempre comentam! Aproveito também para deixar um Feliz Natal, e desejar que vocês aproveitem a data não apenas para comer, postar fotos no facebook ou se preocupar em dar e receber presentes, e sim para refletir um pouco sobre como vocês andam lidando com as pessoas ou com vocês mesmos.

Beijos e obrigada!!!! 🙂 🙂

2 comentários sobre “Retrospectiva – O melhor de 2013

Obrigada pelo comentário! :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s